"PALAVRA VIVA"

Poderá Gostar Também De:

O Reino de Deus é Proclamado...

terça-feira, março 15, 2011

            

            João Batista veio ao mundo com a missão de preparar o povo à vinda do Messias, proclamando o arrependimento e batizando com água.
João, foi o único dos profetas enviados por Deus, que proclamou a vinda do Messias e viu a promessa se cumprir.
Imaginem o sentimento de gratificação, de dever cumprido, que tomou conta do espírito de João ao saber que Jesus era exatamente àquele por quem ele tanto esperava.

"E João, ouvindo no cárcere falar dos feitos de Cristo, enviou dois dos seus discípulos, A dizer-lhe: És tu aquele que havia de vir, ou esperamos outro?E Jesus, respondendo, disse-lhes: Ide, e anunciai a João as coisas que ouvis e vedes:
Os cegos vêem, e os coxos andam; os leprosos são limpos, e os surdos ouvem; os mortos são ressuscitados, e aos pobres é anunciado o evangelho.
E bem-aventurado é aquele que não se escandalizar em mim."

E mais tremendo seria se ele tivesse ouvido o quão elogiado foi por JESUS.

"E, partindo eles, começou Jesus a dizer às turbas, a respeito de João: Que fostes ver no deserto? uma cana agitada pelo vento?
Sim, que fostes ver? um homem ricamente vestido? Os que trajam ricamente estão nas casas dos reis.
Mas, então que fostes ver? um profeta? Sim, vos digo eu, e muito mais do que profeta;
Porque é este de quem está escrito: Eis que diante da tua face envio o meu anjo, Que preparará diante de ti o teu caminho.
Em verdade vos digo que, entre os que de mulher têm nascido, não apareceu alguém maior do que João o Batista; mas aquele que é o menor no reino dos céus é maior do que ele."
 (Mateus 11. 7-11)
Jesus já vivia na obscuridade, convivendo com eles.
"E diziam: Não é este Jesus, o filho de José, cujo pai e mãe nós conhecemos? Como, pois, diz ele: Desci do céu?"
            Mas o povo esperava um grande líder que se levantasse em guerras e que derrotasse os seus opressores. Jesus decepcionou a muitos. Mas a sua vinda já havia sido frizada pelo profeta Isaías, quando relatou que nEle não haveria beleza ou formosura que nos agradasse, que seria o mais humilhado, e o mais rejeitado entre os homens. Ainda sim, o Jesus esperado era outro.


“Veio para os que eram seu, e os seus não o receberam.”
(João 1.11).


Hoje, entendemos que  o sucesso espiritual de cada pessoa está ligado ao modo que ela está, em relação a Deus ( trevas/luz; certo/errado; bem/mal). Quando agimos certo, cumprindo a “vontade” e o “ide” do SENHOR, perto dEle estamos. Um filho que agrada ao seu pai está em comunhão com ele, caso contrário – este filho nunca conheceu o pai.
Como filhos amados e comprados por alto preço, qual a nossa missão? Testemunhar as boas novas que nos tem sido entregue, e vivermos de uma forma honrada para que Deus – como Pai – seja glorificado nos seus filhos – eu e você.



                      
E sejamos nós - os "João batista" desta geração!

Que Deus te abençoe!

1 comentários:

  1. Fatos e Feitos disse...:

    Seguindo aqi tbm .. e Brigadinha pela visita =)

Postar um comentário

te.conhecerei.blogspot.com, agradece a sua participação nessa postagem!

Que o DEUS ETERNO derrame bênçãos sem medidas sobre sua vida...

Leia Também:

Queridos Amigos Que Me Seguem...

Minha Estante...

Minha Estante...
"Dias Melhores Virão" - Max Lucado

"Conhecer JESUS é Tudo" - Alejandro Bullón

"E a Pedro" - Watchman Nee

"O valor das Palavras de uma Mulher" - Dianna Booher